A Agência Europeia de Medicamentos (EMEA) recomendou nesta sexta-feira que a Comissão Europeia autorize a comercialização de duas vacinas contra a gripe H1N1 no Velho Continente, as produzidas pelos laboratórios Novartis e GlaxoSmithKline.

A Comissão Europeia, que em geral se limita a seguir as recomendações da EMEA, decidirá "em breve", provavelmente no início de outubro, se autoriza sua comercialização nos 27 Estados membros da União Europeia (UE), além de Islândia e Noruega, indicou a agência em um comunicado divulgado em Londres, onde se localiza a sua sede.

As duas vacinas autorizadas pelo Comitê de Especialistas da EMEA são a Focetria, produzida pelo grupo farmacêutico suíço Novartis, e a Pandemrix, fabricada pelo britânico GlaxoSmithKline.

bur-ra/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.