Agência de notícias palestina lança site em hebraico

RAMALLAH, Cisjordânia (Reuters) - A agência de notícias estatal palestina Wafa lançou nesta segunda-feira uma versão em hebraico de seus serviços com a proposta de oferecer ao povo israelense, advogados e autoridades uma versão sem filtro de seus adversários. Disponível na Internet em seu site, http://hebrew.wafa.ps, o serviço cobre política, economia e cultura. A agência Wafa disse que um boletim informativo diário também poderá ser enviado aos legisladores israelenses, ministérios e à mídia hebraica.

Reuters |

O lançamento do site surgiu apenas um dia depois de o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, ter revelado termos difíceis para a paz no Oriente Médio, endossando -- como condição principal -- a criação de um Estado Palestino desmilitarizado.

O diretor da agência de notícias palestina, Riyad al-Hasan, disse que a versão em hebraico poderá também se focar nos árabes, que representam 20 por cento da população de Israel.

"A Wafa estará comprometida com a credibilidade e a objetividade, livre de incitações, pronta para interagir objetivamente com seus leitores", escreveu Hassan.

A Wafa, lançada inicialmente no Líbano em 1972 para cobrir notícias de Yasser Arafat e da Organização para a Libertação da Palestina (OLP), possui serviços em francês e inglês, além de árabe.

(Reportagem de Ali Sawafta)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG