Paris, 5 fev (EFE).- Uma agência governamental de emprego francesa propôs a uma jovem de Paris há dois anos desempregada uma oferta de trabalho de animadora de chat para adultos, ou seja, striptease pela internet.

"Animações de chats para adultos, trabalho de dia e de noite.

Aceitamos candidatos sem experiência, o salário varia de 1,4 mil euros a 2 mil euros", detalhou reportagem de hoje no jornal "Le Parisien".

Após a surpresa inicial, a candidata enviou seu currículo "porque o trabalho em um chat não exige um grande envolvimento".

Pouco depois recebeu uma ligação informando que para o seu novo trabalho não era necessário um teclado, mas sim um telefone e uma câmera para encenar cenas de sexo pela internet e, se o cliente quisesse, até fazer "striptease".

Para esclarecer seus possíveis temores, disse que os vídeos não seriam armazenados e que nem sua família ou amigos poderiam reconhecê-la.

Desde então, a jovem se apresenta como especialista em telemarketing. EFE pi/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.