Agatha deixa mais de 100 mortos na América Central

Com pelo menos 54 desaparecidos na Guatemala, deve subir número de mortos pela passagem da depressão tropical pela região

EFE |

A depressão tropical "Agatha", que causou fortes chuvas em diferentes países da América Central no fim de semana, deixou um saldo total de pelo menos 115 mortos na Guatemala, El Salvador e Honduras, segundo dados oficiais divulgados nesta segunda-feira pelas autoridades.

O diretor da Coordenadoria Nacional para a Redução de Desastres (Conred) da Guatemala, Alejandro Maldonado, disse que, até o momento, o número oficial de falecidos chega a 92, enquanto 59 pessoas sofreram ferimentos graves e 54 estão desaparecidas.

Em El Salvador, as autoridades contabilizaram nove mortos e o país está desde domingo em "estado de emergência", pelos estragos provocados pela passagem da tempestade tropical, que na manhã de domingo perdeu força e se transformou em uma depressão.

Em Honduras, o número de mortos pelas chuvas subiu para 14, segundo o último boletim divulgado pela Comissão Permanente de Contingências.

    Leia tudo sobre: El salvadordepressão tropicalagathaGuatemalaHonduras

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG