Afeganistão proíbe fertilizantes que talibãs usam para explosivos

Cabul, 24 jan (EFE).- O Governo do Afeganistão proibiu o uso de nitrato de amônio, um fertilizantes que os talibãs utilizam para fabricar artefatos explosivos como os que hoje causaram a morte de três soldados dos Estados Unidos destacados no país.

EFE |

Em entrevista coletiva, o vice-ministro do Interior afegão, Munir Mangal, explicou hoje que o presidente do país, Hamid Karzai, assinou um decreto na sexta-feira passada proibindo o nitrato de amônio, em atendimento às recomendações das agências afegãs de segurança.

O decreto proíbe tanto o uso quanto à produção, armazenamento e compra e venda no Afeganistão.

O fertilizante em questão é usado pelos talibãs - disse Mangal - para a fabricação de 80% de seus artefatos explosivos, especialmente aqueles que colocam com frequência em valetas das estradas por onde transitam seus alvos.

A força Internacional de Assitência à Segurança (Isaf) informou hoje, em diversos comunicados, sobre a morte de três soldados americanos devido à explosão desses artefatos no sul do país, sem oferecer mais detalhes.

De acordo com Mangal, também era fabricado com nitrato de amônio o explosivo carregado em uma ambulância que foi utilizado por um dos suicidas do comando talibã que, no último dia 18, cometou o mais recente atentado múltiplo no centro de Cabul, que deixou cinco mortos.

Acrescentou que as forças afegãs e as da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) apreenderam toneladas de nitrato de amônio nas duas últimas semanas, a maioria no sul do país.

De agora em diante, Mangal disse que ninguém poderá introduzir este componente no Afeganistão e será detido se as forças de segurança detectarem a substância.

A proibição não afeta os outros dois tipos de fertilizantes usados pelos camponeses afegãos. Segundo Mangal, o nitrato de amônio é nocivo para o solo afegão e só estava sendo utilizado por uma minoria de camponeses. EFE lo-ja/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG