Afeganistão: Explosão deixa dois feridos em frente ao Consulado do Paquistão

Cabul, 31 jul (EFE).- Um vigilante de segurança e uma criança ficaram feridos hoje por causa da explosão de uma bomba de baixa potência em frente ao Consulado do Paquistão na cidade afegã de Herat, no oeste do país, informou à Agência Efe uma fonte oficial.

EFE |

A porta-voz do governador da província de Herat, Farzana Ahmadi, disse que, aparentemente, a bomba estava em uma bicicleta em frente à guarita do guarda de segurança.

A explosão deixou duas pessoas levemente feridas e alguns danos em edifícios vizinhos, mas a sede do consulado não foi danificada.

"Até o momento, não podemos culpar ninguém, a investigação continua aberta", acrescentou Farzana.

O Governo do Paquistão já condenou o ataque e afirmou que as autoridades afegãs "são responsáveis pela segurança do pessoal da embaixada (paquistanesa) em Cabul e dos consulados em Herat, Kandahar, Jalalabad e Mazar-e-Sharif".

"Esperamos que o Governo do Afeganistão leve a sério sua responsabilidade", afirma um comunicado divulgado pelo Ministério de Exteriores paquistanês.

As relações entre Paquistão e Afeganistão passam por um momento delicado, depois que o Governo afegão denunciou que muitos membros da insurgência talibã vêm do lado paquistanês da fronteira e que os serviços secretos do país vizinho estão por trás de alguns atentados cometidos em solo afegão.

O Executivo afegão afirmou, em meados de julho, que o Paquistão tinha estado por trás da tentativa de assassinato de Karzai em abril deste ano e do ataque à prisão da cidade de Kandahar, da qual fugiram cerca de 900 prisioneiros em junho. EFE nh/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG