Aeroportos da Argentina e Uruguai operam normalmente

Voos foram prejudicados nesta sexta-feira em consequência das presença de cinzas do vulcão chileno Puyhue

iG São Paulo |

 Os aeroportos de Buenos Aires e de Ezeiza retomaram neste sábado os voos após o cancelamento de viagens na sexta-feira em consequência das presença de cinzas vulcânicas. A empresa LAN Argentina informa em um comunicado que "os voos serão retomados de forma paulatina" ao longo do dia.

Os voos começaram a ser retomados às 8h, depois que ficou constatada a dissipição da nuvem de cinzas sobre a capital argentina que dificultava as operações. Os primeiros voos tinham como destino a cidade de São Paulo e as argentinas Mendoza e Córdoba, na região centro-oeste do país.

No aeroporto internacional de Ezeiza, 30 km ao sul de Buenos Aires, os voos começaram a decolar com normalidade na manhã deste sábado. As operações passam por dificuldades desde 4 de junho, quando começou a erupção do vulcão chileno Puyehue, que afetou sobretudo a região da Patagônia argentina, onde permanecem fechados os aeroportos de Bariloche e Neuquén.

O fenômeno obrigou o governo a declarar zona de desastre ambiental as localidades de Bariloche e Villa La Angostura, pontos turísticos, que viram a temporada de inverno afetada.

No Uruguai, os voos também foram retomados neste sábado. Dos 112 voos previstos para o fim de semana, a companhia aérea Pluna manteve quatro cancelamentos (Montevidéu-Rio de Janeiro, Rio de Janeiro-Montevidéu, Montevidéu-Porto Alegre, Porto Alegre-Montevidéu) por razões operacionais.

Companhias

As companhias aéreas Gol, TAM e Pluna informaram que retomaram as operações internacionais que tinham sido interrompidas em decorrência da nuvem de cinzas provocada pelo vulcão chileno. As empresas continuam analisando as condições meteorológicas de forma permanente e, caso o cenário mude e ajustes nos voos sejam necessários, o público será informado.

Informações aos passageiros estão disponíveis pela central de relacionamento da Gol nos números 0300-115-2121 (Brasil), 0810-266-3232 (Argentina), 595 21 454-772 (Paraguai) e 5098-2403-8007(Uruguai). Mais informações sobre a TAM podem ser solicitadas pelo fone 4002-5700 (Brasil), 0 810 333 3333 (Argentina), 56 2 6767 900 (Chile), 595 21 6590000 (Paraguai) e 000 4019 0223 (Uruguai). A Pluna pode ser contatada pelos fones 3156-4040, no Brasil, (+598) 2902 1414 em Montevidéu, (+5411) 4132 4444 em Buenos Aires, Tel: (+562) 595 2879 em Santiago do Chile e (+59521) 211122 em Assunção, no Paraguai.

Com AFP e AE

    Leia tudo sobre: cinszas vulcânicas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG