Adesão de Ucrânia e Geórgia divide Otan

Os aliados da Otan se mostraram divididos em relação a uma futura adesão à aliança de Ucrânia e Geórgia, afirmou o ministro espanhol das Relações Exteriores, Miguel Angel Moratinos, na noite desta quarta-feira, em Bucareste (horário local).

AFP |

"Alguns países querem que isso aconteça o mais rápido possível, outros dizem não ser este o momento certo", explicou Moratinos aos repórteres, em meio a uma cúpula da Organização do Tratado do Atlântico Norte, na capital romena.

Ucrânia e Geórgia esperam receber convites na cúpula para fazer parte do Plano de Ação de Adesão (MAP, sigla em inglês) da Otan, oferecido a países europeus que desejam se unir à maior aliança militar do planeta.

mar-loc/ap/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG