Acidente de helicóptero deixa 20 mortos na Ucrânia

O número de vítimas fatais no acidente de um helicóptero MI-8 que se chocou nesta segunda-feira contra uma plataforma flutuante no Mar Negro subiu para vinte, informou o Ministério de Emergências da Ucrânia.

EFE |

Um porta-voz comunicou que o único sobrevivente dos 20 ocupantes do aparelho morreu horas depois, em conseqüência dos ferimentos.

O aparelho, com três tripulantes e 17 passageiros, caiu na água depois que a hélice da cauda bateu contra a plataforma de perfuração, comunicou o porta-voz do consórcio de gás e petróleo Naftogaz Ukrainy, Valentin Zemlyansky.

Um oficial de guarda do Ministério de Emergências da Ucrânia disse à Agência Efe que a cauda do aparelho tocou uma das antenas da plataforma, e depois "caiu na água".

O acidente aconteceu após as 9h30 (3h30 de Brasília) e, segundo o ministro de Transporte ucraniano, Yosyp Vinsky, o mais provável é que tenha sido causado por falha humana.

"O helicóptero, pelo que me foi informado, estava em perfeito estado, por isso tudo indica o fator humano", disse Vinsky a um grupo de jornalistas.

O MI-8 transportava 17 trabalhadores da Chornomornaftogaz, filial de Naftogaz, que substituiriam seus companheiros de trabalho na plataforma de perfuração, situada cerca de 70 quilômetros do litoral.

Este é o segundo acidente sofrido por um helicóptero deste modelo em um mês. Em 27 de março, doze guardas fronteiriços e um civil morreram devido à queda, também no Mar Negro, de um MI-8.

Leia mais sobre: acidentes

    Leia tudo sobre: acidente

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG