Acidente com fogos de artifício mata 13 pessoas na China

Pequim, 27 fev (EFE).- Pelo menos 13 pessoas morreram e mais de 30 ficaram feridas em um acidente com fogos de artifício na província de Cantão, no sul da China, informou hoje o jornal oficial China Daily.

EFE |

O incidente aconteceu por volta das 20h locais na sexta-feira (9h em Brasília), na região de Shitouqiao, na cidade de Puning.

Um oficial do Birô de Segurança Pública (Polícia) de Puning explicou que um aldeão que estava em frente à sua casa manipulava uma grande quantidade de fogos e causou a explosão.

O fogo passou também para as casas vizinhas e, segundo testemunhas, as sucessivas explosões chegaram a danificar imóveis situados a 200 metros do local.

A Polícia isolou a zona e retirou os corpos dos falecidos. Os feridos foram transferidos a um hospital. Ainda há trabalhos de resgate em andamento, e outras pessoas podem ter sido atingidas.

Os chineses, inventores dos fogos de artifício, têm costume de utilizar bastante os artefatos, principalmente na época do Ano Novo Lunar.

Segundo a tradição, nos primeiros dias do ano há muitos maus espíritos, e a melhor forma de assustá-los é fazer o maior barulho possível.

Só nesta semana, as celebrações pirotécnicas pelo Ano Novo chinês causaram 7.480 incêndios no país, ocasionando 35 mortes e perdas materiais de aproximadamente US$ 4 milhões. EFE gmp/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG