Acidente aéreo mata 7 na República Democrática do Congo

Kinshasa, 30 abr (EFE).- Pelo menos sete pessoas morreram em um acidente de aviação registrado na quarta-feira em uma localidade do oeste da República Democrática do Congo (RDC), confirmaram hoje fontes da aviação civil local.

EFE |

Segundo porta-vozes do aeroporto internacional de Kinshasa, uma equipe de investigação de acidentes aéreos se encontra no lugar do acidente, a 80 quilômetros da localidade de Kenge, na província de Bandundu, vizinha à capital congolesa.

O avião, um Boeing 727 pertencente à companhia aérea privada Bako, que opera da República Centro-Africana, acidentou-se em voo para Harare, capital do Zimbábue, procedente de Brazzaville, no Congo.

Todos os ocupantes da aeronave morreram no acidente: dois camaroneses, dois congoleses, um centro-africano, um zimbabuano e um francês.

Em um primeiro comunicado emitido ontem, as fontes do aeroporto de Kinshasa disseram que os mortos eram dois, o piloto, cuja nacionalidade foi indicada como argelina, e um congolês de Brazzaville.

Até o momento, as investigações dos serviços de segurança aérea e da Polícia nacional congolesa não permitiram esclarecer as circunstâncias do acidente.

Segundo o Ministério dos Transportes congolês, o avião se dirigia a Harare para uma inspeção e manutenção técnica. EFE py-st/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG