Abbas se recusa a reconhecer Israel como Estado judaico

O presidente da Autoridade Palestina, Mahmud Abbas, afirmou nesta segunda-feira que se nega a reconhecer Israel como Estado judaico, como exigiu o primeiro-ministro israelense, Benjamin Nentayahu.

AFP |

"Estado judaico? O que é isto? Podem se fazer chamar como quiserem, mas eu não aceito e afirmo isto publicamente", declarou Abbas em um discurso em Ramallah, Cisjordânia.

Abbas disse que a exigência de Israel de obter o reconhecimento palestino do caráter judaico de seu Estado foi amplamente discutida e rejeitada pelos palestinos durante a conferência de Annapolis, Estados Unidos, em novembro de 2007, que reativou o processo de paz israelense-palestino.

"Podem se chamar de república sionista hebraica nacional socialista se quiserem, não me diz respeito. Sei que existe um Estado de Israel nas fronteiras de 1967 (NR: antes da ocupação dos territórios palestinos) e nem um centímetro mais ou menos", completou o dirigente palestino.

bur-ezz/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG