Abbas e Olmert encerram último encontro oficial entre ambos

Jerusalém, 16 set (EFE) - O primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert, e o presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, se despediram hoje informalmente em Jerusalém naquele que pode ter sido seu último encontro para tentar alcançar um acordo de paz.

EFE |

Afetado por uma série de escândalos de corrupção, Olmert anunciou que renunciaria depois que seu partido, o Kadima, eleger amanhã, em eleições primárias, um líder que tentará formar um novo Governo.

Por isso, a reunião desta tarde, realizada a portas fechadas, foi, acima de tudo, "uma despedida informal" de Olmert com a qual "a parte palestina queria demonstrar que está disposta a negociar com ele e com quem for", explicaram fontes palestinas próximas ao diálogo de paz.

Os dois dirigentes analisaram o estado do processo negociador, lançado em novembro na Cúpula de Annapolis (Estados Unidos) e que tem como objetivo chegar a um acordo de paz antes do fim do ano, acrescentaram as fontes.

Desde então, Olmert e Abbas se reuniram com freqüência e firmaram uma boa relação pessoal que motivou a despedida de hoje. EFE ap/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG