Abbas diz que não se candidatará às eleições de junho

Moscou, 28 jan (EFE).- O presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Mahmoud Abbas, disse hoje que não voltará a promover sua candidatura nas eleições à Presidência convocadas para junho.

EFE |

"Tomei a decisão e a comuniquei a nossos dirigentes. Não apresentarei minha candidatura nas eleições presidenciais", disse Abbas, que acrescentou que sua decisão é definitiva e "não haverá outra", segundo a agência russa "RIA Novosti".

O veterano político evitou fazer comentários sobre quem poderia substituí-lo no cargo após as eleições, e ressaltou que isso dependerá da vontade dos 4 milhões de palestinos que irão às urnas.

"Não posso dizer que esse ou aquele político será meu sucessor.

Não pode ser assim, para isso há as eleições, e serão as urnas que revelarão quem assumirá o cargo", disse.

Acrescentou que "este assunto deve receber uma solução democrática, porque escolhemos a democracia, e não é possível que alguém imponha ao povo um presidente".

A Organização para a Libertação da Palestina prorrogou, em dezembro passado, o mandato do Parlamento da ANP e o de Abbas até a realização de eleições, em 28 de junho de 2010.

Abbas expressou a esperança de que as eleições de junho contem com a participação do movimento islâmico palestino Hamas, rival do grupo Fatah, dirigido pelo próprio presidente da ANP.

"Pedimos que participem do pleito, embora possam ter uma visão diferente desse assunto", disse. EFE si/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG