Abbas diz que caminho para a paz no Oriente Médio está bloqueado

O presidente da Autoridade Palestina, Mahmud Abbas, comentou neste sábado que o fracasso da missão de George Mitchell, enviado especial americano para o Oriente Médio, significa que a retomada das negociações de paz com Israel está muito distante.

AFP |

"O caminho está bloqueado agora", estimou Abbas, depois de um encontro com o presidente do Egito, Hosni Mubarak, no Cairo.

Mitchell, que viajou para Israel com o objetivo de negociar uma solução para os assentamentos judaicos na Cisjordânia, deixou o país na sexta-feira com as mãos abanando, após ter passado o dia em contato com Abbas e com o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu.

Ele havia se reunido com ambos no início da semana.

Para Abbas, cabe agora a Israel limpar o caminho para as negociações de paz. Além disso, indicou que Mitchell deve retornar à região na próxima semana para retomar as negociações, depois da Assembleia Geral da ONU.

"(Mitchell) não tem mais o que fazer em relação aos lados ocidental ou palestino, porque estamos cumprindo com nossos deveres. O foco deve estar no lado israelense", afirmou.

O enviado americano tentava negociar um compromisso acerca da delicada questão dos assentamentos, para então organizar uma reunião tripartite entre Netanyahu, Abbas e o presidente americano, Barack Obama, à margem da Assembleia Geral da ONU, em Nova York.

As negociações de paz estão paralisadas desde dezembro de 2008.

str-jaz/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG