O presidente palestino Mahmud Abbas condenou firmemente a ofensiva terrestre lançada neste sábado por Israel em Gaza, e pediu uma reunião urgente do Conselho de Segurança da ONU, anunciou um de seus principais colaboradores, o negociador palestino Saeb Erakat.

"O presidente Abbas condena firmemente esta agressão, e pede a realização urgente, ainda hoje, de uma reunião do Conselho de Segurança para detê-la", declarou Erakat à AFP.

Abbas advertiu que "a agressão israelense contra Gaza terá graves conseqüências na região".

O presidente palestino não exerce mais nenhum controle na Faixa de Gaza, de onde foi expulso pelos islâmicos do Hamas em junho de 2007.

Depois de uma semana de ataques aéreos e marítimos, Israel lançou na noite deste sábado uma ofensiva terrestre na Faixa de Gaza, para obrigar o Hamas a parar com seus disparos de foguetes contra o território israelense.

na/yw

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.