Abatidos os dois insurgentes escondidos em hotel da Caxemira indiana

Nova Délhi, 7 jan (EFE).- Após uma operação de 23 horas, as forças policiais indianas confirmaram que abateram hoje os dois insurgentes que estavam escondidos em um hotel após realizarem um ataque que deixou dois mortos no centro de Srinagar, capital da Caxemira indiana (norte).

EFE |

Os canais de televisão mostraram imagens de uma densa fumaça proveniente do hotel, situado no centro de Srinagar e palco de várias trocas de tiros desde a madrugada.

O ataque começou nesta quarta-feira, quando dois homens lançaram granadas e dispararam com armas automáticas contra um contingente da Força da Polícia da Reserva Central (CRPF, sigla em inglês) presente na zona.

Pelo menos um policial e um civil morreram e nove pessoas ficaram feridas no ataque, que foi reivindicado pelo um obscuro grupo insurgente denominado Yamiat-ul-Mujahedin.

Os insurgentes se refugiaram no hotel, e as forças de segurança rodearam o edifício enquanto se preparavam para lançar uma operação final, como reconheceu nesta manhã à agência indiana "Ians" uma fonte policial.

As forças de segurança tinham sido obrigadas a suspender suas operações nesta quarta-feira à noite devido à escuridão e também para evitar "efeitos colaterais" em uma zona da cidade que está "muito congestionada", acrescentou a fonte.

Os insurgentes já tinham atacado várias vezes o local no passado, embora este tenha sido a maior ação do gênero nos últimos dois anos na cidade, segundo diferentes veículos da imprensa indiana. EFE daa/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG