Abaixo-assinado com 5 mi de assinaturas pede 3o mandato a Uribe

Por Patrick Markey BOGOTÁ (Reuters) - A Justiça Eleitoral colombiana recebeu na segunda-feira 5 milhões de assinaturas pedindo um referendo que autorize o presidente Álvaro Uribe a disputar um terceiro mandato. Três carros-fortes entregaram o abaixo-assinado.

Reuters |

O presidente, muito popular graças a suas políticas de segurança, é evasivo sobre um novo mandato, algo que a oposição considera que seria nocivo para a democracia local. Até mesmo os investidores de Wall Street, habitualmente simpáticos a ele, estão receosos.

'Podemos ter vários políticos capazes, mas nenhum mais capaz que Uribe', disse à Reuters o ex-senador Luis Guillermo Giraldo, organizador do abaixo-assinado.

'E ele já se provou, com a (política intitulada) segurança democrática, com os investidores estrangeiros.'

A Justiça Eleitoral precisa agora verificar as assinaturas antes de remeter o projeto popular de emenda constitucional ao Congresso e à Corte Constitucional.

Uribe se elegeu pela primeira vez em 2002 e conseguiu um novo mandato em 2006, depois de uma reforma constitucional.

As pesquisas mostram que, se disputar, Uribe é o franco favorito em uma nova eleição, especialmente desde que conseguiu libertar vários reféns da guerrilha Farc, como a ex-candidata a presidente Ingrid Betancourt.

A redução da violência estimulou investimentos estrangeiros, e a economia cresce ao maior ritmo em três décadas.

A oposição acusa Uribe de estar tentando concentrar poderes. 'Mais uma vez temos um presidente modificando a Constituição para seu ganho pessoal', disse o senador oposicionista Jorge Robledo.

'Uribe está tentando driblar os princípios constitucionais que falam de um sistema de equilíbrio de poderes.'

(Por Patrick Markey)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG