À TV, Chávez diz que se recupera bem e já consegue andar

Líder falou pela 1ª vez diretamente sobre sua saúde durante telefonema à rede estatal; vice diz esperar resultado de exames

iG São Paulo |

Seis dias depois da chegada a Cuba para a terceira cirurgia em menos de um ano, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, falou nesta quinta-feira ao canal estatal de TV venezuelano e garantiu que se recupera "rapidamente" e já caminha.

EFE
Multidão se concentra em praça no centro de Caracas para dar apoio ao líder venezuelano, Hugo Chávez, que foi submetido em Havana à cirurgia para retirada de tumor (29/2)
"Estou bem, recuperando-me aceleradamente", disse Chávez, 57, que discursou por telefone em ato que seu ministro da Energia, Rafael Ramírez, liderou na localidade de San Francisco (noroeste da Venezuela).

Essa é a primeira vez que Chávez fala diretamente sobre sua saúde, depois que, na terça e quarta-feira, o vice-presidente venezuelano, Elías Jaua, informou que o governante foi operado em Havana de uma " lesão " detectada na mesma região da pélvis em foi extraído um tumor cancerígeno em junho. O cânce foi constatado em meio a uma cirurgia por causa de um abscesso na zona pélvica .

Documento vazado: Chávez tem entre 1 e 2 anos de vida, diz WikiLeaks

"Desde anteontem tenho caminhado", disse o chefe de Estado, que foi operado na segunda-feira. O líder confirmou que segue uma dieta "muito boa" e se preparava para a "caminhada do meio-dia".

Nesta quinta-feira também apareceu uma nova mensagem na conta de Chávez no Twitter, para afirmar que assiste ao canal estatal Venezolana de Televisión (VTV) no hospital cubano. Chávez se declarou "muito feliz, maravilhado" ao ver como avança o programa de construção de casas que seu governo impulsiona e enviou "uma saudação e um abraço a todos, especialmente às crianças".

"Bom dia, mundo bom! Estou muito feliz vendo por nossa VTV como avança a grande missão Vivienda Venezuela! Que lindos edifícios!", diz o texto escrito na conta do líder @chavezcandanga.

Na quarta-feira, a primeira mensagem do presidente depois da operação apareceu na conta do Twitter, que Chávez disse administrar pessoalmente. "Muito boa noite, meus queridos compatriotas! Aqui vou, levantando voo como o condor! Mando a vocês todo meu amor supremo! Viveremos e venceremos. Começo a voar de novo como o Condor! Viveremos e venceremos."

No Twitter: Chávez diz que 'levanta voo como o condor' após cirurgia em Cuba

Além da "lesão pélvica", também foi extraído o "tecido circundante", segundo informou o governo na quarta-feira, o primeiro dia em que foi divulgada informação oficial sobre o paciente desde que ele viajou a Havana na sexta-feira, 24 de fevereiro.

Resultados dos exames

nesta quinta-feira, o vice Elias Jaua disse esperar os resultados dos exames feitos em Chávez após a operação, afirmando estar convencido de que pode vencer "qualquer dificuldade". Segundo ele e o ministro venezuelano da Cultura, Pedro Calzadilla, Chávez se recupera bem.

"Vamos esperar os resultados, mas seja o que for vamos vencer. Hugo Chávez tem a força física e o amor de um povo para vencer qualquer dificuldade", afirmou Jaua em um ato transmitido pela rede de televisão estatal.

O vice-presidente indicou que Chávez "está em pleno exercício de seu mandato, governando e tomando decisões para o povo venezuelano" e que conversou com ele na quarta-feira. "Com uma voz enérgica, ele me disse: 'Acabo de tomar uma sopa e fiz minha primeira caminhada'. Me deu umas 300 mil instruções", afirmou.

Enquanto isso, no Twitter seguem os rumores e comentários sobre a saúde do presidente. O jornalista Nelson Bocaranda, que se antecipou às informações oficiais dessa última viagem de Chávez a Cuba, declarou em seu portal nesta quinta sem citar fontes que as notícias que obteve de Cuba não são "encorajadoras". De acordo com ele, teria sido "contraproducente" um tratamento com esteroides ao qual o presidente supostamente foi submetido para que os sinais da doença não fossem notados.

Ainda não foi informado por quanto tempo o governante permanecerá na ilha, nem foram dados mais detalhes sobre a natureza da lesão e o tipo de tratamento que deve receber.

*Com EFE

    Leia tudo sobre: venezuelachávezeleição na venezuelacubacâncertumor

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG