Dr. Dabic - Mundo - iG" /

A biografia fictícia de Karadzic, mais conhecido na internet como Dr. Dabic

Sob o nome de doutor Dragan Dabic, Radovan Karadzic, um dos fugitivos mais procurados do mundo detido na noite segunda-feira por crimes de guerra, genocídio e crimes contra a humanidade, publicou na internet uma biografia fictícia para se desviar de eventuais suspeitas das autoridades.

AFP |

No site dragandabic.com, o "Doutor Dabic" afirma ter nascido "há cerca de seis décadas na aldeia de Kovaci, perto de Kraljevo", uma cidade 150 km ao sul de Belgrado.

"Quando criança, o Doutor Dabic gostava de explorar as florestas dos arredores junto com seu avô, e passava muito tempo na montanha Kopaonik", no sul da Sérvia, diz a biografia factícia.

De acordo com o texto, o Doutor Dabic deixou sua aldeia natal rumo a Belgrado, antes de se formar em psiquiatria em Moscou.

"Ele viajou em seguida à Índia e ao Japão, antes de passar um tempo na China, onde se especializou em diferentes métodos de medicina alternativa", segundo o documento.

"O doutor voltou à Sérvia em meados dos anos 90 para se tornar um dos mais eminentes especialistas em medicina alternativa. Ele vive em Novi Beograd, na rua Yuri Gagarin, e é possível contactá-lo pelo seguinte e-mail: zacelivanjerana@dragandabic.com", prossegue o texto.

O "Doutor Dabic" também publicou em seu site vários provérbios, apresentados como "chineses", tais como: "Quem não consegue entrar em acordo com seus inimigos é controlado por eles", "Por trás de cada homem capaz, existem vários outros igualmente capazes", ou "O sábio toma suas próprias decisões, o ignorante segue a opinião pública".

Segundo sua biografia real, Karadzic nasceu em Montenegro e estudou e trabalhou em Sarajevo antes de se lançar na política. O Tribunal Penal Internacional (TPI) para a ex-Iugoslávia o indiciou em 1995 por crimes de guerra, crimes contra a humanidade e genocídios por sua responsabilidade no massacre de 8.000 muçulmanos em Srebrenica.

Os serviços secretos sérvios prenderam Karadzic na noite de segunda-feira. Além de sua falsa biografia, o ex-dirigente tinha deixado barba e cabelo crescer a ponto de mudar completamente de rosto.

Segundo a imprensa, ele vivia em Novi Beograd, o bairro moderno da capital sérvia, junto com uma mulher de cerca de 40 anos identificada como Mila.

mat/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG