Tamanho do texto

“Ela disse que o lado dele da cama a estava assombrando”, explicou uma das vizinhas de Nancy Cramptom-Brophy, que está presa nos Estados Unidos

A autora de
Reprodução/South China Morning Post
A autora de "Como Matar Seu Marido" está sendo investigada pelo assassinato de seu companheiro, em junho

A americana Nancy Crampton-Brophy, autora do livro “Como Matar Seu Marido”, foi presa no estado do Oregon, nos Estados Unidos, suspeita de matar seu companheiro Daniel Brophy, encontrado morto no começo do mês de junho. Segundo informações do jornal South China Morning Post , o chefe de cozinha morreu após disparos de uma arma de fogo.

Leia também: Mulher é acusada de fazer ritual satânico após matar e desmembrar namorado russo

Por mais que o homem de 63 anos tenha sido encontrado morto há três meses, somente agora a polícia local decidiu prender a autora de " Como Matar Seu Marido ", que, aos 68 anos, pode ser a responsável pela morte. As autoridades, no entanto, não explicaram a demora para deter a suspeita, tampouco os motivos para essa decisão.

Escritora de romances de mistério, a mulher foi casada com o chefe, que trabalhava no Instituto de Culinária de Oregon em Portland, por 27 anos. Na ocasião da  morte  dele, disse que “Dan era uma das poucas pessoas que eu conhecia que sabia exatamente o que queria na vida e amava fazer isso”.

Os familiares da mulher ficaram muito chocados com a notícia, e a sua irmã, por exemplo, acredita que Nancy é inocente. “Nenhum de nós acredita nisso”, declarou em entrevista à ABC News . “É uma loucura e simplesmente não é verdade”.

A declaração de uma das vizinhas do casal, no entanto, levantou suspeitas. De acordo com Heidi Hutchinson, a americana queria se mudar para escapar de sua vida antiga. “Ela disse que o lado dele da cama a estava assombrando”, explicou.

Caso semelhante ao da escritora de "Como Matar Seu Marido"

Indiana matou o marido, assim como a autora de
Reprodução
Indiana matou o marido, assim como a autora de "Como Matar Seu Marido" pode ter feito, porque estava com dor de cabeça

Outro caso em que a mulher matou seu esposo , dessa vez, na Índia. Quatro dias após o casamento, a história de Sinki Devi, de 23 anos, e Ravindra Singh, de 30 anos, acabou de um jeito bastante trágico.

Singh foi encontrado morto em sua cama durante a madrugada, e a suspeita de cometer o crime é a  esposa recém-casada , que confessou que o matou depois de ter sofrido de uma “dor de cabeça terrível”. Segundo ela, os dois estavam no quarto se preparando para dormir quando ela usou uma foice para atingi-lo.

A mãe da vítima foi quem denunciou o caso à polícia. Bhagwati Kunwar, que morava com o casal, ouviu gritos até que decidiu se levantar e bater na porta do quarto do filho para verificar o que estava acontecendo.

Segundo o relato da polícia, Kunwar teria ficado mais de dez minutos batendo na porta até que Devi a deixasse entrar.

Quando conseguiu acesso ao cômodo, a mãe informou às autoridades que encontrou seu filho deitado em uma poça de sangue, e pediu ajuda de familiares e vizinhos que levaram o homem sangrando ao hospital mais próximo.

Leia também: "É o meu ex", admite mulher após russo achar crânio no jardim e descobrir crime

A polícia dos Estados Unidos não divulgou detalhes do caso e informações que explicam a suspeita de que a autora do " Como Matar Seu Marido " seja a responsável pelo homicídio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.