Tamanho do texto

Custo total do projeto pode chegar a US$ 33 bilhões, ao longo de 10 anos; construção da barreira foi uma das promessas de campanha do republicano

Construção do muro foi uma das principais propostas de Donald Trump durante sua campanha eleitoral
Reprodução/CNN
Construção do muro foi uma das principais propostas de Donald Trump durante sua campanha eleitoral

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, enviou ao Congresso um pedido de verba de US$ 18 bilhões (cerca de R$ 58,17 bilhões) para a construção do muro na fronteira com o México. A solicitação foi entregue na última sexta-feira (5), e o valor seria suficiente para levantar quase mil quilômetros do muro. A barreira é uma das suas principais promessas de campanha .

O principal objetivo da obra proposta por Donald Trump é barrar a chegada de imigrantes aos Estados Unidos. O republicano também pediu verba para a contratação de 10 mil agentes imigratórios e outros serviços de tecnologia, totalizando US$ 33 bilhões (cerca de R$ 106,65 bilhões), ao longo de 10 anos, para ações de segurança na fronteira.

De acordo com a imprensa norte-americana, o projeto de Trump tem ficado cada vez mais caro, e o muro, com uma extensão menor. O gabinete do magnata tinha calculado que o muro custaria US$ 21 bilhões, ou US$ 17 por milha. Agora, o custo estimado é de US$ 25 por milha. Desde o início, Trump argumentou que o México pagaria os custos do muro, mas o governo do país vizinho sempre se negou a assumir a construção.

Leia também: Três pessoas ficam feridas em incêndio causado por pane elétrica na Trump Tower

Situação atual

Os US $ 18 bilhões pedidos por Trump cobririam apenas a fase inicial do plano do Serviço de Alfândega e Proteção de Fronteiras. Atualmente, cerca de 650 milhas da fronteira com o México têm alguma forma de obstáculo físico, desde barreiras de veículos até cercas de aço mais altas, projetadas para evitar que as pessoas escalem.

O Serviço de Alfândega e Proteção de Fronteiras está avaliando vários protótipos, todos os quais são significativamente mais altos, mas o pedido de financiamento enviado aos senadores não especifica que tipo de barreira seria usada.

Em setembro do ano passado, o departamento de Segurança Interna dos EUA anunciou que quatro empresas foram escolhidas para construir protótipos da barreira que deve ficar ao longo da fronteira com o México .

As companhias são originárias de quatro estados diferentes: Alabama, Arizona, Mississipi e Texas. As empresas Caddell Construction, Fisher Industries, Texas Sterling Construction e W.G. & Sons Construction foram encarregadas de produzir um muro de concreto, que terá nove metros de extensão e até nove metros de altura.

Segundo o Serviço de Alfândega e Proteção de Fronteiras (CBP, em inglês), os quatro modelos serão construídos e uma equipe será responsável por realizar testes de resistência durante os próximos dois meses.

Os quatro contratos estão avaliados entre US$ 400 e US$ 500 mil dólares cada um. Ao todo, mais de 200 companhias chegaram a apresentar projetos de design para o muro proposto por Donald Trump.

* Com informações da Ansa

    Leia tudo sobre: Donald Trump
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.