Marinha argentina vai analisar ruído vindo de região onde submarino desapareceu

Submarino com 44 tripulantes está desaparecido desde a última quarta-feira

O porta-voz da Marinha argentina, Enrique Balbi, informou que pelo menos dois navios que participam das operações de busca pelo submarino ARA San Juan identificaram um ruído permanente no fundo do mar, perto da Península de Valdes, no sul da Argentina.

Leia também: Eleições no Chile surpreendem e candidatos a presidente disputarão segundo turno

Foto: Martin Otero/Base Naval de Mar del Plata
Submarino militar da Argentina, San Juan contava com 44 tripulantes quando desapareceu dos radares nesta quarta

A região faz parte de onde o submarino, com 44 tripulantes a bordo, está desaparecido desde a última quarta-feira (15). O ruído gravado passará por análise para verificar do que se trata. O porta-voz da Argentina evitou afirmar, entretanto, que o ruído seja oriundo do submarino desaparecido. 

Leia também: Trump inclui Coreia do Norte em lista de ‘países patrocinadores do terrorismo’

No sábado (18), foram captadas sete tentativas de chamada por telefone de satélite, renovando as esperanças das famílias dos tripulantes. No entanto, a companhia responsável pelo serviço de telefonia por satélite informou nesta seguna-feira (20) que as chamadas não partiram do submarino, mas de outras embarcações que estão na região.

O último relato do submarino foi registrado na madrugada de quarta-feira passada. Passado o tempo prudencial sem ter comunicação com a embarcação, foi ativado no final da tarde de quinta-feira (16) o protocolo de busca.

Leia também: Merkel não chega a acordo com partidos e fica sem coalizão para governar

O submarino, de origem alemã, tinha partido na segunda-feira (13) do porto de Ushuaia e se dirigia de volta para sua base, na província de Buenos Aires, na Argentina.

Link deste artigo: https://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2017-11-20/submarino-argentina-ruidos.html