Ataques aconteceram logo após a jovem, que voltava para casa depois de uma balada na região leste da cidade, separar-se do seu grupo de amigos

Durante a madrugada do último fim de semana de setembro, a jovem foi estuprada três vezes por homens diferentes
Reprodução/Polícia Metropolitana de Londres
Durante a madrugada do último fim de semana de setembro, a jovem foi estuprada três vezes por homens diferentes


Uma adolescente de 17 anos sofreu três estupros em menos de uma hora em Londres. O caso aconteceu entre a noite do dia 29 e a madrugada de 30 de setembro em Tower Hamlets, na região leste da cidade inglesa. Agora, a polícia investiga o envolvimento de cinco suspeitos nos crimes.

Leia também: Da notificação do crime até a sentença, saiba os caminhos da denúncia de estupro

De acordo com o The Guardian , a vítima voltava para casa após sair de uma balada quando os estupros aconteceram. Separada de seus amigos, a jovem – possivelmente sob o efeito de drogas – foi atacada três vezes, por homens diferentes, entre às 23h55 da sexta-feira até aproximadamente 00h55 do sábado.

“Este é um caso horrível de múltiplo abuso sexual a uma adolescente, que estava simplesmente voltando para casa depois de sair da balada”, declarou Suzanne Jordan, do departamento de abuso infantil e crimes sexuais. “Nós queríamos agradecer as pessoas que intervieram para ajudá-la e, provavelmente, impediram que o seu sofrimento continuasse”.

Detalhes da investigação

Agora, as autoridades trabalham para identificar os responsáveis pelos crimes . Por meio de câmeras de segurança, foi possível apontar os possíveis suspeitos. O primeiro deles é visto carregando a vítima na rua Cambridge Heath. Em seguida, os dois aparecem passando por uma porta – onde, mais tarde, parte da roupa da adolescente foi encontrada.

Leia também: Mulher é estuprada e decapitada por servir "peixe proibido" a rebeldes do Congo

Pouco depois da meia-noite, outras gravações mostram a jovem sendo seguida por outro homem, que anda em uma bicicleta. O sujeito então leva a vítima até um canto na rua Corfield, onde permanecem por um tempo até que o homem abandona a cena e a adolescente, vista logo depois, com as roupas desarrumadas.

Em seguida, a garota é abordada mais uma vez. Um grupo de três homens é visto reunido na rua Corfield, sob algumas árvores. Um dos suspeitos aparece agachado em meio a alguns carros estacionados, exatamente onde a polícia acredita que o terceiro ataque aconteceu.

Depois disso, um transeunte viu a adolescente em estado de choque e imediatamente chamou à polícia. Os oficiais acreditam que a vítima, que está no processo de realizar exames toxicológicos, estava sob o efeito de drogas.

Leia também: Acusada de assassinato, mãe que matou estuprador de filha tem queixas retiradas

“Também gostaríamos de conversar com testemunhas [dos estupros] que ainda não se apresentaram, ou com alguém que tenha qualquer tipo de informação adicional, por mais insignificante que possa parecer – ela pode se provar crucial para a evolução desse caso”, declarou Suzanne Jordan.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.