Atropelamento resultou em uma morte e deixou pelo menos dez feridos que foram encaminhadas ao hospital; incidente foi na avenida Seven Sisters Road

De acordo com a mídia local, o local do atropelamento que deixou feridos em Londres fica próximo de uma mesquita
CNN/Reprodução 18.06.2017
De acordo com a mídia local, o local do atropelamento que deixou feridos em Londres fica próximo de uma mesquita

Pedestres foram atropelados por uma van na avenida Seven Sisters Road, no norte de Londres , na Inglaterra, às 0h20 (horário local) desta segunda-feira (19). Pouco depois do ataque, que está sendo tratado como terrorista, a polícia informou à agência de notícias Reuters que um homem foi preso na região de Finsburry Park. O local fica próximo a uma mesquita, segundo a mídia local.

Um homem foi declarado morto na cena do atentado terrorista , oito feridos foram internados em três hospitais diferentes e duas pessoas foram tratadas no local por lesões menores, segundo a polícia londrina.

Leia também: Atentado em shopping de Bogotá, na Colômbia, tem três mortos e 11 feridos

O motorista da van, um homem de 48 anos, ficou retido pela população e depois foi preso pela polícia. Como medida cautelar, o preso foi levado ao hospital e será submetido também a uma avaliação de saúde mental.

O local foi isolado por oficiais locais e de bairros vizinhos.  A investigação é conduzida pelo Comando de Terrorismo .

O policiamento à comunidade muçulmana foi reforçada. A mesquita próxima ao local do incidente estava com fiéis que praticam o Ramadã, o mês sagrado que determina uma série de sacrifícios e rituais específicos como jejum e rezas. A última reza foi por volta da meia-noite.

Leia também: Número de mortos em incêndio em Londres chega a 58, anunciam autoridades

Segundo a BBC , uma testemunha que mora na região disse que muitas pessoas gritavam após a van atingir as vítimas e que esse veículo da cor branca estava parado ao lado da mesquita. Outras testemunhas do atropelamento descreveram que o suposto autor gritou que iria "matar todos os muçulmanos". 

Terrorismo em Londres

A causa do atropelamento é desconhecida, mas Londres já trata o ataque como terrorista, devido ao momento de pânico que a cidade vive por conta dos últimos atentados na capital inglesa. Em 22 de maio, uma explosão na saída de um show da cantora Ariana Grande deixou 22 mortos e dezenas de feridos, incluíndo crianças e adolescentes. Já a no início do mês, um ataque com facas deixou seis mortos.

Leia também: Tiroteio em prédio comercial deixa ao menos quatro feridos nos Estados Unidos

* Com informações da Agência Brasil.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.