Candidata de oposição na Turquia é atingida por tiro durante campanha

Por Ansa | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Polícia investiga ataque, o mais recente de uma série de outros relacionados às eleições; no sábado, candidato foi esfaqueado

Elif Dogan Turkmen se recupera após tiro no joelho durante campanha política na Turquia
Reprodução/Facebook
Elif Dogan Turkmen se recupera após tiro no joelho durante campanha política na Turquia

Em mais um episódio de violência na Turquia às vésperas das eleições gerais de 7 de junho, a candidata opositora Elif Dogan Turkmen foi ferida no joelho com um disparo de arma de fogo nesta terça-feira (26).

2014: Violência se alastra após suposto ataque da Turquia contra militantes curdos

Ela foi atingida por um atirador que passou de carro perto de um restaurante na província de Adana, onde participava de um evento eleitoral. A candidata do partido laico CHP não corre risco de vida.

A polícia está investigando o ataque, que é o último de uma série de atos de violência relacionados às eleições. No sábado (23), o candidato Ramazan Demir, do governista AKP, recebeu três facadas no estômago durante um compromisso político.

Na semana passada, dois pacotes com bombas explodiram na sede do partido curdo HDP em Adana e Mersin, ferindo seis pessoas. As eleições de 7 de junho irão renovar 550 membros da Assembleia Nacional, que formarão o 25º Parlamento da história da República do país

Leia tudo sobre: turquiaelifelif dogan turkemen

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas