Imigrantes à deriva saltam ao mar para pegar comida jogada de helicópteros

Por BBC |

compartilhe

Tamanho do texto

6 mil migrantes foram encontrados na costa da Tailândia; eles saíram de Bangladesh e estavam há dois meses e meio no mar

BBC

Desesperados, imigrantes pularam na água para buscar mantimentos perto ao navio
BBC
Desesperados, imigrantes pularam na água para buscar mantimentos perto ao navio

Um barco de pesca com cerca de 6 mil migrantes birmaneses foi encontrado na costa da Tailândia.

O grupo era composto de bengalis desempregados que buscavam melhores condições de vida e de muçulmanos rohingya, que fugiam da perseguição em Mianmar, onde sequer são reconhecidos como cidadãos. Eles saíram de Bangladesh e estavam há dois meses e meio no mar.

Os passageiros afirmaram que a tripulação havia abandonado o barco seis dias antes e que o motor havia parado de funcionar.

Houve cenas de caos quando um helicóptero da Marinha tailandesa jogou mantimentos próximo ao barco e dezenas pularam na água, desesperados.

Clique no link e veja o vídeo:

Imigrantes à deriva saltam ao mar para pegar comida jogada de helicópteros


As autoridades tailandesas providenciaram o conserto do motor, mas não aceitaram a permanência dos migrantes.

Na falta de tripulantes, oficiais tailandeses tiveram que ensinar homens despreparados a conduzirem o barco. No dia seguinte, os birmaneses continuaram sua jornada rumo à Indonésia.

Leia também:

Imigrantes muçulmanos perseguidos ficam à deriva na costa da Tailândia

700 imigrantes são resgatados de navio que afundava na Indonésia

Milhares viajam à bordo de barcos que transportam migrantes ilegalmente em busca de uma vida melhor, mas muitos ficam à deriva. Países como a Tailândia, a Indonésia e a Malásia costumam rejeitá-los.

Os países do sudeste asiático foram acusados pela ONU de tratamento "incompreensível" e "desumano" dos migrantes.

Leia tudo sobre: imigrantesnavioperseguidos

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas