Meia Hora: travestis brasileiros rodam na Itália acusados de sequestros

Por Jornal Meia Hora |

compartilhe

Tamanho do texto

Quatro 'bonecas' queriam obrigar outro brasileiro a ganhar a vida fácil na terra do macarrão

Jornal Meia Hora

Quatro travestis brasileiros, com idades entre 28 e 35 anos, foram presos em Castel Volturno, sul da Itália, após sequestrarem um brasileiro, de 25, a fim de obrigá-lo a se prostituir em troca de seu passaporte, avaliado por elas em 12 mil euros (cerca de R$ 41 mil).

A vítima, que estava de férias e não teve o nome revelado, conseguiu entrar em contato com um amigo, que comunicou o caso ao Consulado Brasileiro no país e à polícia.

Leia também:

Meia Hora: gatinha faz selfie em estação de trem e morre segurando no cabo

Linguiça, massageador infravermelho: os objetos incomuns esquecidos em aviões

Travestis brasileiros rodam na Itália acusados de sequestros
Reprodução
Travestis brasileiros rodam na Itália acusados de sequestros


Ele conseguiu informar o endereço de onde estava, pois o quarteto deixou uma conta de luz à mostra. Enquanto esteve preso no prostíbulo, o rapaz sofreu tentativas de estupro.

Após ser libertado, ele contou que foi capturado assim que desembarcou na Itália para encontrar um amigo que conhecera pelo Facebook. Os travestis devem responder por violência sexual e sequestro.


Leia tudo sobre: brasileirositáliasequestro

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas