Após cinco dias, três vítimas são retiradas com vida de escombros no Nepal

Por Ansa | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Um adolescente e duas mulheres sobreviveram à terremoto na capital do país, Katmandu, e foram salvos por equipe da USaid

Um jovem de 15 anos e duas mulheres foram retirados com vida de escombros no Nepal nesta quinta-feira (30) após cinco dias do terremoto que atingiu o país.

Hoje: Chega a 5.489 número de mortos após terremoto no Nepal

Pemba Tamang, 15, se recupera em hospital de campanha israelense para as vítimas do terremoto em Kathmandu, Nepal
AP
Pemba Tamang, 15, se recupera em hospital de campanha israelense para as vítimas do terremoto em Kathmandu, Nepal

Assista: Vídeo mostra devastação em distrito próximo a epicentro de terremoto no Nepal

O rapaz estava em um prédio de sete andares na capital do país, Katmandu, e foi resgatado dos restos de concreto por uma equipe da USaid. Uma das mulheres foi retirada de uma casa destruída no bairro de Dadhikot, em Katmandu, e outra na cidade de Bhaktapur.

Apesar das boas notícias, o número de mortos da tragédia subiu para 5.825, segundo o Centro Nacional para Operações de Emergência nepalês. Ao todo, são 10.866 feridos. Um site especializado em catástrofes, o earthquake-report.com, estima que o balanço final de vítimas deve ficar em nove mil pessoas, com danos materiais de cerca de US$ 3,5 milhões. Esses números têm como base diversos tipos de dados - de tweets a dados de sismologia - em mais de 60 idiomas.

Cenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de três mil mortos no Nepal. Foto: APHomem executa ritos finais antes de cremar vítima do terremoto no Nepal. Foto: APCaixão à espera de corpo de vítima de terremoto que matou mais de duas mil pessoas no Nepal. Foto: APMulher chora ao lado de local em que corpo de vítima é cremado no meio da rua. Foto: APPessoas observam cremação em plena rua de vítima de terremoto no Nepal. Foto: APPessoas reconhecem corpos de familiares que foram vítimas de terremoto que matou mais de duas mil pessoas no Nepal. Foto: APMulheres choram diante dos corpos de parentes que morreram no terremoto do Nepal. Foto: APSituação de Katmandu, capital do Nepal, após terremoto que matou mais de duas mil pessoas. Foto: APCriança é socorrida após terremoto que deixou mais de dois mil mortos no Nepal. Foto: APSobreviventes de terremoto se desesperam ante ao cenário de destruição . Foto: APIdosa caminha por Katmandu, capital do Nepal e cidade mais atingida pelo terremoto que deixou dois mil mortos. Foto: APApós perder casa, sobreviventes do terremoto no Nepal se espalham pelas áreas devastadas de Kathmandu, capital do País. Foto: APPessoas aguardam atendimento médico após terremoto que deixou dois mil mortos no Nepal. Foto: APApós terremoto matar mais de duas mil pessoas no Nepal, país recebe suprimentos. Foto: APCenário desolador da cidade de Kathmandu, capital do Nepal, após terremoto que deixou dois mil mortos. Foto: APCenário devastado pelo terremoto que deixou mais de dois mil mortos no Nepal. Foto: APEquipes trabalham no resgate de sobreviventes do terremoto que deixou mais de dois mil mortos no Nepal . Foto: APEquipes trabalham no resgate do terremoto que deixou mais de dois mil mortos no Nepal. Foto: APTerremoto de 7,8 graus na escala Richter devastou parte do Nepal neste sábado (25). Foto: Fotos Públicas/British Red CrossTerremoto de 7,8 graus na escala Richter devastou parte do Nepal neste sábado (25). Foto: Fotos Públicas/British Red CrossÍndia envia suprimentos para vítimas do terremoto no Nepal. Foto: Fotos Públicas/Ministério da Defesa da ÍndiaÍndia envia suprimentos para vítimas do terremoto no Nepal. Foto: Fotos Públicas/Ministério da Defesa da ÍndiaÍndia envia suprimentos para vítimas do terremoto no Nepal. Foto: Fotos Públicas/Ministério da Defesa da ÍndiaÍndia envia suprimentos para vítimas do terremoto no Nepal. Foto: Fotos Públicas/Ministério da Defesa da ÍndiaKarina Oliani apontando para o topo do Everest. Foto: Arquivo pessoalBrasileira Mariana Malaguti Uchôa, de 26 anos, está desaparecida no Nepal. Foto: Reprodução/FacebookTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: APPessoas são socorridas após terremotos que matou mais de mil pessoas no Nepal. Foto: APEquipes de socorro buscam sobreviventes após terremoto que matou mais de mil pessoas no Nepal. Foto: APCidade fica completamente destruída após terremoto que matou mais de mil pessoas no Nepal. Foto: APTerremoto atingiu Nepal e deixou mais de mil mortos . Foto: APTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: APSituação dos acampamentos de montanhistas após terremoto que atingiu o Everest. Foto: APTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: APTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: APSituação dos acampamentos de montanhistas após terremoto que atingiu o Everest. Foto: APGuias retiram turistas do Everest após montanha ser atingida por terremoto. Foto: APVista do Everest após terremoto que matou mais de mil pessoas no Nepal. Foto: APTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: APTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: APTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: APTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: APTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: APTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: APTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: APTerremoto de 7,9 de magnitude deixa centenas de mortos no Nepal. Foto: AP

Milagre: Bebê é encontrado vivo após três dias soterrado no Nepal

"Neste momento, nossas projeções dão uma média entre 8 mil e 9 mil mortos, mas não se exclui que chegue a 10 mil", explicou o cofundador do site, James Daniel do Instituto de Tecnologia Karlsruhe. Sobre os danos, Daniel explica que eles são "relativamente baixos" para eventos desse tipo.

"Isso não se deve ao impacto do terremoto, que trouxe uma grande destruição, mas à pobreza do país. O valor de toda a infraestrutura da região não supera os US$ 40 milhões", finalizou.

Leia tudo sobre: terremoto no nepalnepal

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas