Ebola atingiu mais de 26 mil pessoas desde o início da epidemia, diz OMS

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Epidemia começou há 16 meses; Libéria, Guiné e Serra Leoa são os países mais afetados pelo pior surto da doença

Agência Brasil

Muitos casos. Serra Leoa está entre os países mais atingidos pela atual epidemia de ebola
Michael Duff/associated press – 9.8.14
Muitos casos. Serra Leoa está entre os países mais atingidos pela atual epidemia de ebola

O vírus ebola contaminou mais de 26 mil pessoas desde o início da epidemia, há 16 meses, quando 10.823 morreram, informou a Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta quarta-feira (22).

Segundo a entidade, a redução do número de casos confirmados parecia ter estagnado e apelou a mais esforços para interromper definitivamente a transmissão do vírus. Na semana anterior ao dia 19 de abril, foram confirmados 33 novos casos, 21 na Guiné-Conacri e 12 na Serra Leoa.

Leia também:

Entenda o que é o ebola e como a doença mortal se espalha
Ebola 'é o maior desafio de saúde pública desde surgimento da Aids'

Até essa data já tinham sido confirmados 37 novos casos e 30 na semana anterior.

“A queda no número de casos confirmados foi interrompida nas últimas três semanas”, destacou a OMS, no seu último balanço. “Para acelerar o declínio da epidemia e reduzir a zero o número de casos, será preciso um empenho mais firme da comunidade internacional, melhorar a investigação dos contatos e o diagnóstico precoce”, acrescentou a organização.

No total, a doença foi contraída por 26.079 pessoas, quase todos na Guiné-Conacri, Libéria e Serra Leoa, os três países mais afetados pela epidemia na África Ocidental.

Leia tudo sobre: ebolaepidemia de ebolaOMSsaúde pública

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas