Policial confunde arma de eletrochoques com revólver e mata suspeito em fuga

Por BBC |

compartilhe

Tamanho do texto

Robert Bales, de 73 anos, atirou em um homem negro que era acusado de tentar vender ilegalmente uma arma a um policial

BBC

Eric Harris, um homem negro de 44 anos, fugia dos policiais quando foi capturado
BBC Brasil
Eric Harris, um homem negro de 44 anos, fugia dos policiais quando foi capturado

A polícia do Estado americano de Oklahoma, nos Estados Unidos, divulgou um vídeo que mostra o momento em que um policial persegue um suspeito e atira nele após imobilizá-lo.

Eric Harris, um homem negro de 44 anos, era acusado de tentar vender ilegalmente uma arma a um policial à paisana durante uma operação.

Ele fugia dos policiais quando foi capturado. No vídeo, é possível ouvir um dos policiais pedindo pelo taser, uma arma de eletrochoques usada para imobilizar pessoas.

Em seguida, ouve-se um tiro e um homem diz "atirei nele, sinto muito".

Leia também:

Tiroteiro em universidade nos Estados Unidos deixa 1 morto

Vídeo mostra Estado Islâmico destruindo capital do primeiro império da história

Autoridades identificaram o homem como o policial de reserva Robert Bates, de 73 anos, e afirmaram que ele usou a arma por engano, por confundi-la com um taser.

Promotores ainda não decidiram se vão acusá-lo formalmente pela morte de Harris. O vídeo foi divulgado a pedido da família.

O incidente acontece em meio a uma série de casos de homens negros mortos por policiais brancos em circunstâncias controversas nos EUA.

Na semana passada, Walter Scott, de 50 anos, foi morto com tiros nas costas ao correr quando foi parado por suspeita de uma infração de trânsito.

Veja o vídeo:

Policial de 73 anos confunde arma de eletrochoques com revólver e mata suspeito em fuga nos EUA


Leia tudo sobre: policialestados unidos

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas