Menino autista é encontrado após 5 dias perdido em parque nacional na Austrália

Por BBC |

compartilhe

Tamanho do texto

Luke se afastou de acampamento onde estava; equipes acharam criança com ajuda de voluntários e helicóptero

BBC

Um menino australiano de 11 anos que desapareceu durante uma viagem da família a um parque nacional do país há cinco dias foi encontrado vivo.

Luke Shambrook, que tem autismo, foi encontrado a três quilômetros do acampamento onde estava o resto de sua família, perto do lago Eildon, no Estado de Victoria, sul da Austrália.

O menino foi levado para o hospital com hipotermia, mas, segundo a polícia, ele não parecia ter sofrido ferimentos.

Dezenas de turistas que visitavam a região ajudaram nas buscas durante o fim de semana.

A polícia de Victoria divulgou imagens do momento do resgate em sua página no Twitter
Divulgação
A polícia de Victoria divulgou imagens do momento do resgate em sua página no Twitter

Luke se afastou do acampamento Candlebark, no parque nacional Fraser, uma popular área de turismo na Austrália, por volta do meio-dia da sexta-feira.

Ao perceber a ausência do menino, a família deu o alerta.

Os policiais saíram a cavalo, motos e caminhando. Além disso, outros voluntários e turistas que acampavam no local se juntaram às buscas, procurando por Luke em poços, tocas de animais e embaixo de árvores.

Mergulhadores

Os mergulhadores da polícia também procuraram por Luke em lagos e canais da região, enquanto pilotos da polícia faziam buscas aéreas. A mãe de Luke informou que ele tem fascinação por água e gosta de se esconder em locais pequenos.

Na segunda-feira, as equipes de buscas encontraram o gorro de Luke em uma trilha.

Então, na terça-feira, um helicóptero da polícia conseguiu localizar o menino em uma mata e enviou uma equipe de paramédicos. Luke recebeu o primeiro atendimento no local e então foi levado para um hospital próximo.

A polícia de Victoria divulgou um vídeo no Instagram mostrando o momento em que um policial conseguiu chegar até Luke, que estava deitado no chão em uma trilha em um morro.

A polícia agradeceu a todos os envolvidos na operação, pelo "imenso apoio da comunidade".

O comandante interino da polícia, Rick Nugent, disse que a família de Luke está "aliviada".

A família de Luke contou que o menino era fascinado por água e gostava de se esconder
Divulgação
A família de Luke contou que o menino era fascinado por água e gostava de se esconder


Leia tudo sobre: autistadesaparecidoparque

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas