Atentado a bomba mata 14 pessoas no Paquistão

Por AP | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Homens bomba detonaram artefatos na parte externa de duas igrejas na cidade de Lahore; Taleban teria reivindicado autoria

AP

A zona oeste da cidade de Lahore, no Paquistão, foi sacudida neste domingo (15) por explosões provocadas por homens bomba em frente a duas igrejas católicas. Segundo autoridades locais, pelo menos 14 pessoas morreram no ataque, entre eles dois policiais que faziam a segurança no região. Pelo menos outras 48 ficaram feridas. 

Atentado contra duas igrejas no Paquistão foi reivindicado pelo Taleban
AP
Atentado contra duas igrejas no Paquistão foi reivindicado pelo Taleban

Leia mais: Após assassinato de piloto, Jordânia afirma que executará terrorista iraquiana

Site de revista francesa atacada por terroristas publica nota

Os dois templos estão ficavam a 600 metros de distância um do outro e as autoridades suspeitam que o ataque pode ter motivação religiosa.



O Paquistão tem uma forte presença muçulmana. Uma liderança do Taleban, que tem comandado ataques contra minorias, local teria reivindicado a autoria do ataque.

Veja galeria de imagens

Radicais do Taleban teriam revindicado ataques deste domingo (15). Foto: APSobreviventes se desesperam após ataque que fez 14 mortos no Paquistão. Foto: APVítima do atentado a duas igrejas católicas no Paquistão é socorrida. Foto: APSobreviventes se desesperam após ataque que fez 14 mortos no Paquistão. Foto: APAtentado no Paquistão foi reivindicado pelo Taleban. Foto: APAtentado contra duas igrejas no Paquistão foi reivindicado pelo Taleban. Foto: AP


 

Em dezembro passado, o taleban promoveu um massacre numa escola de Peshawar, matando 150 pessoas, a maioria estudantes. 

Leia tudo sobre: PaquistãoTalebanatentadosterrorismo

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas