Uma das vítimas, um idoso, morreu atropelada por um furgão após ser derrubada de sua bicicleta por uma rajada de vento

Imagem de enchente causada pelas chuvas na região central do país europeu, neste fim de semana
Ansa
Imagem de enchente causada pelas chuvas na região central do país europeu, neste fim de semana

A região centro-norte da Itália foi alvo de temporais e ventos de 100 km/hora que já causaram a morte de ao menos três pessoas nos últimos dias, de acordo com levantamentos divulgados pelas autoridades.

Até agora, as vítimas são um homem de 41 anos, morto na província de Lucca, Toscana; uma mulher atingida por uma árvore na cidade de Urbino, em Marcas; e um idoso de 76 anos que foi desequilibrado por uma rajada de vento enquanto andava de bicicleta e acabou sendo atropelado por um furgão, em Buscate, na Lombardia.

As regiões mais atingidas pelo mau tempo são Emilia Romanha, Marcas, Umbria, Abruzzo, Lazio e Toscana. As autoridades locais estão avaliando a adoção de medidas de segurança, enquanto diversos voos foram cancelados em Florença.

Na Toscana e na Ligúria, linhas de trem também tiveram os serviços afetados. A recomendação é que a população evite sair de casa. Em Roma, as chuvas que ao longo da semana provocaram o desabamento de árvores, telhas e outdoors. Com semáforos queimados e zonas alagadas, o trânsito do município também está sofrendo prejuízos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.