Próximo do Porto de Mariupol, última cidade controlada por Kiev ao sul de Donetsk, 'a trégua foi violada', afirma um militar

Agência Brasil

Pelo menos cinco soldados ucranianos morreram e 22 foram feridos em combates com os rebeldes pró-russos perto de Mariupol, no Leste da Ucrânia, disse o porta-voz militar ucraniano, Dmytro Tchaly.

Quinta: Ucrânia terá nova trégua a partir de domingo

Janeiro:  Drone mostra destruição de aeroporto em Donetsk, na Ucrânia

Próximo do Porto de Mariupol, última cidade controlada por Kiev ao sul da região de Donetsk, “a trégua foi violada na vila de Chirokiné” onde foram mortos soldados ucranianos depois de trocas de tiros, disse Dmytro.

As forças ucranianas ficaram sob fogo dos rebeldes pró-russos mais de 100 vezes nas últimas 24 horas, apesar de estar em vigor um cessar-fogo desde a meia-noite de domingo (15), disse o ministro das Relações Exteriores, Pavlo Klimkin.

“Nós e as forças armadas ucranianas estamos observando o regime de cessar-fogo mas, infelizmente, já tivemos 112 ataques, nas últimas 24 horas, de terroristas de Donetsk e Lugansk”, disse Klimkin.

O acordo de cessar-fogo, firmado quinta-feira (12) na Cúpula de Minsk, na Bielorússia, pela chanceler da Alemanha, Angela Merkel, e pelos presidentes da Ucrânia, Petro Porochenko; da França, François Hollande e da Rússia, Vladimir Putin, determina trégua para acabar com os conflitos na região.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.