Papo na Redação: “Atacar a imprensa é atacar o alicerce da democracia”

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo Heni Ozi Cukier, atentado teve como alvo alicerce democrático defendido pelo ocidente; objetivo é impor medo

O ataque terrorista que deixou 12 mortos na redação da Charlie Hebdo em Paris, França, na quarta (7), foi um ato contra o alicerce da democracia, e não apenas aos cartunistas que satirizavam Maomé, líder religioso muçulmano, de acordo com Heni Ozi Cukier, cientista político e professor do MBA de relações internacionais da FGV.

"A gente costuma falar das eleições, da constituição, mas esquece do papel da imprensa na democracia. Esse não é um ataque qualquer, mas é um ataque ao coração do valor mais fundamental que o ocidente defende e tenta difundir pelo mundo", diz ele ao iG. 

Assista:


Leia tudo sobre: ataque na francafrancacharlie hebdoparis

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas