De luto, a revista publicou em seu site a mensagem "Somos todos Charlie" horas depois do ataque terrorista

Reprodução do site da revista francesa Charlie Hebdo, atacada por terroristas nesta quarta-feira (7)
Reprodução
Reprodução do site da revista francesa Charlie Hebdo, atacada por terroristas nesta quarta-feira (7)

Cerca de quatro horas depois do ataque terrorista à seda da revista "Charlie Hebdo", em Paris, na manhã desta quarta-feira (7), foi publicada uma mensagem no seu site: "Je suis Charlie", ou algo como "Somos todos Charlie", na cor preta. 

Cartunistas de várias partes do mundo lamentaram a ação terrorista, que matou pelo menos 12 pessoas – entre eles o diretor da publicação e três cartunistas.

Ao menos dois homens armados atacaram o escritório da revista satírica francesa Charlie Hebdo provocando 12 mortes nesta quarta-feira (7).

Leia tambémVídeo mostra ataque em sede de revista em Paris.; assista

Testemunhas disseram que os homens abriram fogo com fuzis Kalashnikov e depois fugiram do local. Luc Comovente, um funcionário do sindicato da polícia SBP, disse que eles fizeram vários disparos antes de deixar a área.



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.