Polícia prende quatro suspeitos pelo desaparecimento da Miss Honduras 2014

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

María José Alvarado sumiu há quase uma semana; um dos presos, Plutarco Ruiz, é namorado da irmã da rainha da beleza

Autoridades de Honduras prenderam quatro suspeitos pelo desaparecimento da Miss Honduras 2014, María José Alvarado, segundo a polícia.

Hoje: Polícia de Honduras promete fazer o impossível para achar miss desaparecida

Reprodução/Facebook
Maria José foi vista pela última vez há cinco dias ao lado da irmã; ela disputaria o Miss Mundo em Londres


Junho: Miss Tailândia renuncia ao título após 'defender' execução de ativistas

Um dos presos, Plutarco Ruiz, é namorado da irmã da rainha da beleza do país, Sofia, 23, que também está desaparecida há cinco dias. O outro preso é dono de negócios na região onde ela sumiu, disse o porta-voz da polícia, Joseph Coello.

"Inicialmente detivemos dez, mas seis foram soltos", explicou Coello.

As duas mulheres foram vistas pela última vez na quinta-feira em um spa de Santa Barbara, cerca de 400 quilômetros a oeste de Tegucigalpa, onde saíram para comemorar o aniversário de Ruiz. Elas não foram vistas desde então. Coello disse que o caso está sendo tratado como um desaparecimento, porque não houve nenhuma evidência de sequestro.

"Testemunhas disseram que minha filha deixou o spa com três homens", disse a mãe, Teresa Muñoz, a jornalistas. "Eu tentei várias vezes durante toda a noite falar com elas pelo celular, mas ninguém atendeu."

A promotora-chefe Gabriela Carranza disse que há pistas sobre o caso, mas elas não podem ser divulgadas para não interferir na investigação.

Maria, 19, foi coroada Miss Honduras em abril e participaria do Miss Mundo em Londres no próximo mês. Ela deveria partir para Londres no domingo.

*Com AP

Leia tudo sobre: hondurasmiss hondurasmaria jose alvarado

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas