Obama pegou elevador com homem armado e condenado por crimes, diz porta-voz

Por AP | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Agentes não tinham conhecimento de que segurança contratado portava arma; episódio ocorreu em 16 de setembro

AP

O presidente dos EUA, Barack Obama, pegou um elevador com um segurança contratado armado condenado criminalmente três vezes, de acordo com reportagens publicadas pelos jornais The Washington Post e The Washington Examiner. O episódio, uma clara violação de segurança do Serviço Secreto norte-americano, ocorreu no último dia 16 de setembro, poucos dias antes de o veterano de guerra Omar Gonzalez invadir a Casa Branca.

Reuters
O presidente dos EUA: duas falhas do Serviço Secreto norte-americano em apenas três dias

Um porta-voz do Serviço Secreto confirmou a informação nesta terça-feira (30). Segundo ele, os agentes desconheciam o fato de o homem estar armado no momento do incidente. 

Leia também:
Suspeito de invadir a Casa Branca enfrenta acusações em tribunal
Homem que invadiu Casa Branca tinha 800 cartuchos de arma no carro, diz promotor

O caso ocorreu na mesma semana em que o veterano de guerra Omar Gonzalez invadiu a residência da presidência norte-americana, a Casa Branca, com uma faca, no último dia 19 de setembro. A diretora do Serviço Secreto assumiu nesta terça toda a responsabilidade pela invasão.

Os agentes descobriram o histórico criminal do segurança depois de ele ter se recusado a parar de filmar o presidente no elevador onde estavam com uma câmera de celular. 

Leia tudo sobre: barack obamaserviço secreto

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas