Menina de 5 anos diz ter sido espancada por colega nos EUA; escola nega

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Fotos de AvaLynn postadas na internet mostram as lesões que a aluna do jardim de infância sofreu, mas escola diz que ela caiu

Reprodução/Facebook
Escola do Mississippi afirma que AvaLynn caiu enquanto brincava

Uma mãe do Mississippi, EUA, lançou uma campanha online por justiça depois de alegar que sua filha foi espancada em um ataque violento no jardim de infância, segundo informou o Daily Mail.

Agosto: Mulher é espancada ao reagir a assédio em Carnaval de rua da Inglaterra

Imagens da criança postadas na página "Justice for AvaLynn" - Justiça para Avalynn, em tradução livre - no Facebook administrada pela mãe da menina, Lacey Harris, mostram as graves lesões que a aluna do jardim de infância sofreu.

A escola alega, porém, que os machucados aconteceram após a menina de 5 anos cair.

Junho: Menina de 3 anos morre após ser espancada por mãe e padrasto no interior de SP

Lacey refuta a explicação oficial da Arlington Elementary School e diz que quer uma investigação policial sobre o caso, já que os ferimentos de sua filha são muito graves para terem sido causados por uma simples queda.

De acordo com a mãe, AvaLynn afirma ter sido chutada por um colega de classe até cair do playground durante sua primeira semana na Arlington Elementary, Mississippi. O Distrito Escolar disse que a criança não foi vítima de violência e que simplesmente caiu no chão enquanto brincava.

Um post no "Justiça para AvaLynn" diz que a menina ficou com os olhos roxos, boca inchada e sofreu pequenas fraturas, características que denotariam agressão.

A mãe da menina montou página no Facebook onde pede justiça para a filha. Foto: Reprodução/FacebookMesmo com o rosto inchado e com diversos hematomas, escola diz que ela caiu sozinha. Foto: Reprodução/FacebookEscola diz que AvaLynn recebeu os primeiros socorros e que houve um acidente. Foto: Reprodução/FacebookA polícia diz que não abriu investigação porque não houve agressão contra a menina, de 5 anos. Foto: Reprodução/FacebookAvaLynn sem os hematomas. Ela foi matriculada em jardim de infância do Mississippi, EUA. Foto: Reprodução/Facebook

Veja: Vídeo mostra padrasto espancando filho de três anos na Malásia

"AvaLynn informou a Lacey que foi agredida por outro aluno com chutes no rosto até cair da sala de jogos da escola. A escola, porém, informou Lacey que não havia professores presentes quando ocorreu o incidente e portanto, ninguém poderia provar que outro aluno espancou a menina", diz o post no Facebook.

"A escola basicamente diz que Ava se machucou sozinha, enquanto as fotos de seus machucados dizem exatamente o contrário. A polícia local afirma que não houve nenhum ato criminoso", segundo o texto.

A mãe da pequena contratou os serviços de um advogado, que insistiu em não fazer nenhum comentário à imprensa enquanto pressionam por uma investigação policial sobre o caso. Além disso, ela pede dinheiro para ajudar no tratamento de AvaLynn.

"Há necessidade de exames, visitas a especialistas como otorrinolaringologista, oftalmologista e possíveis ortopedistas por causa dos cortes e lesões em seu pequeno rosto", escreveu Lacey.

O Distrito Escolar de Pascagoula falou ao gulflive.com sobre o incidente explicando que "Um estudante foi ferido enquanto brincava no playground da Arlington Elementary School". E acrescentou: "O pai foi contatado e que o aluno recebeu tratamento médico. Nenhuma outra criança estaria envolvido no incidente. O Distrito Escolar de Pascagoula continua comprometido com a segurança de todos os seus alunos."

A polícia disse que não vai abrir inquérito, já que não acredita que qualquer atividade criminosa tenha ocorrido no local.

Leia tudo sobre: mississippieuaavalynnlacey harrisjardim de infância

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas