Ucrânia diz que suas tropas avançam em reduto rebelde

Por Reuters |

compartilhe

Tamanho do texto

Ministros da Ucrânia e da Rússia se preparavam para conversações sobre conflito neste domingo, mas diplomacia pode ser ofuscada por grande avanço no campo de batalha

Reuters

Forças ucranianas hastearam sua nacional em uma delegacia de polícia na cidade de Luhansk que esteve por meses sob controle rebelde, disse Kiev neste domingo, no que poderia ser um grande avanço no esforço da Ucrânia para reprimir os separatistas pró-Moscou.

Autoridades ucranianas alegam que rebeldes estão travando uma ação de retaguarda desesperada para manter Luhansk - que é sua rota de abastecimento para a Rússia - e dizem que o fluxo de armas e combatentes da Rússia acelerou.

Veja imagens de satélite artilharia russa na ucrânia:

Imagens de satélite liberadas pelos EUA mostram artilharia russa sendo lançada da Rússia para a Ucrânia. Foto: Ap Photo/ U.S State DepartmentNa imagem, artilharia auto-propulsionada encontrada apenas em unidades militares russas, no lado russo da fronteira. Foto: Ap Photo/ U.S State DepartmentImagem mostra o antes e o depois de um ataque. Foto: Ap Photo/ U.S State DepartmentImagem mostra solo danificado. Foto: AP Photo/U.S. State Department

Os ministros das Relações Exteriores da Ucrânia e da Rússia estavam se preparando para se encontrar para conversações sobre o conflito em Berlim, neste domingo, embora parecia provável que a diplomacia poderia ser ofuscada pelo rápido desenvolvimento no campo de batalha.

A Rússia se nega a ajudar os rebeldes e acusa Kiev, apoiada pelo Ocidente, de desencadear uma crise humanitária, por meio do uso indiscriminado de força contra falantes de russo no leste da Ucrânia, que rejeita as regras do governo ucraniano.

LEIA TAMBÉM: 
Ucrânia tem pequenos combates, mas não há sinal de piora em conflito
Líder separatista ucraniano diz que rebeldes receberão tanques e reforços

Andriy Lysenko, um porta-voz militar da Ucrânia, disse que forças do governo lutaram contra separatistas em um bairro da cidade de Luhansk no sábado, e assumiram o controle de Zhovtneviy, delegacia de polícia do bairro.

"Eles levantaram a bandeira do estado sobre a delegacia", disse Lysenko.

Autoridades separatistas em Luhansk não foram encontradas pelo telefone, e uma porta-voz separatista em Donetsk, no leste da Ucrânia, disse que não sabia o que tinha acontecido em Luhansk.

Uma fotografia postada no Twitter parece mostrar, em ucraniano, uma bandeira na frente da delegacia, mas ela não podia ser verificada independentemente.

Se confirmada, a tomada da delegacia de polícia é significativa porque a cidade de Luhansk tem sido por vários meses um reduto rebelde onde o mandado de Kiev não foi executado.

Leia tudo sobre: ucrâniarússiaseparatistasotanrússia na ucrânia

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas