Estado Islâmico se concentrava perto da cidade iraquiana de Qara Tappa, em um aparente esforço para ampliar seu front

Reuters

Militantes do Estado Islâmico se concentravam perto da cidade iraquiana de Qara Tappa, 122 quilômetros ao norte de Bagdá, disseram fontes de segurança e autoridades locais nesta quinta-feira (14), em um aparente esforço para ampliar seu front contra os combatentes curdos peshmergas.

Ontem: EUA descartam envio de tropas no Iraque, mas consideram ajuda humanitária

Deslocados da minoria Yazidi participam de protesto na fronteira entre Iraque e Síria em Fishkhabour, província de Dohuk (13/08)
Reuters
Deslocados da minoria Yazidi participam de protesto na fronteira entre Iraque e Síria em Fishkhabour, província de Dohuk (13/08)


Dia 12: Vaticano pede para líderes muçulmanos condenarem violência de extremistas

Os militantes sunitas têm feito um dramático avanço pelo norte para uma posição próxima de Arbil, a capital da região semiautônoma do Curdistão. O movimento ao redor de Qara Tappa sugere que eles estão mais confiantes e buscam conquistar mais território próximo à capital depois de perderem ímpeto naquela região.

EUA

É improvável que ocorra uma operação norte-americana para retirar a minoria yazidi isolada na região do Monte Sinjar, no Iraque, após ter fugido dos combatentes do Estado Islâmico, avaliou uma equipe dos Estados Unidos, de acordo com o Pentágono.

Austrália: Pai orgulhoso por filho segurar cabeça decepada sofre de esquizofrenia

Saiba mais: Entenda como o Estado Islâmico se tornou mais perigoso que a Al-Qaeda

"A equipe avaliou que há muito menos yazidis no Monte Sinjar do que se pensava", disse o Pentágono em um comunicado na quarta.

"Os yazidis que permanecem estão em melhores condições do que se acreditava anteriormente e continuam a ter acesso à comida e à água que lançamos por avião."

"Com base nesta avaliação, foi determinado que uma missão de retirada é muito menos provável", disse o comunicado, acrescentando que os EUA continuarão a prestar assistência humanitária conforme necessário.

Dia 12: EUA oferecem apoio adicional ao Iraque após formação de novo governo

Combatentes curdos têm protegido cidades habitadas pela minoria yazidi à medida que comboios armados do Estado Islâmico avançavam e já ajudaram milhares de pessoas deste grupo a escapar para áreas mais seguras no norte.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.