Episódio que aconteceu no Grand Canyon foi registrado em um vídeo e ganhou repercussão nas rede sociais

A ONG PETA e seus afiliados europeus estão oferecendo uma recompensa de US$ 15.000 por informações que levem à prisão de um homem que é mostrado atraindo um esquilo com alimentos e, em seguida, chutando o animal no Grand Canyon, nos Estados Unidos.

O episódio foi registrado em um vídeo e ganhou repercussão nas rede sociais. 

"É imperativo encontrar alguém que comete atos sádicos e violentos contra um ser vulnerável, porque a pessoa vai, invariavelmente, prejudicar os outros novamente, se ele ou ela não está parado", disse o diretor da PETA, Martin Mersereau.



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.