Balsa com ao menos 250 passageiros naufraga em Bangladesh

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Ao menos dois corpos foram recuperados até agora; cerca de 44 pessoas nadaram até o porto após tragédia no rio Padma

Uma balsa que transportava centenas de pessoas naufragou nesta segunda (4) no centro de Bangladesh matando ao menos duas pessoas e provavelmente muitas mais enquanto moradores horrorizados assistiam a tragédia a partir da costa, disseram autoridades.

2012: Naufrágio em Bangladesh mata 31 e deixa dezenas de desaparecidos

AP
Munni, cujas filhas estão desaparecidas, se desespera enquanto equipes de resgate vasculham o rio Padma após naufrágio no distrito de Munshiganj, Bangladesh


2010: Naufrágio deixa pelo menos 18 mortos e 19 desaparecidos em Bangladesh

Não ficou exatamente claro quantas pessoas estavam a bordo do MV Pinak porque os operadores da balsa em Bangladesh raramente fazem listas de passageiros. Segundo a mídia local, cerca de 250 passageiros estavam sendo transportados no momento da tragédia, mas os dados não puderam ser confirmados.

Azizul Haque, que estava entre os cerca de 44 sobreviventes que nadaram para a costa, disse que pulou ao mar quando teve certeza do naufrágio.

"A balsa ficou descontrolada por causa do vento e da correnteza, inclinando de um lado para o outro", disse Haque, 30. "Então, o capitão pulou porque provavelmente soube do naufrágio. O rio estava agitado e havia muitos passageiros a bordo."

A balsa virou no rio Padma no distrito de Munshiganj, cerca de 44 quilômetros ao sul da capital, Dhaka.

Mais de quatro horas após a balsa naufragar, as autoridades disseram que ainda esperavam uma embarcação maior para lançar a operação de resgate adequada. Segundo o policial local Khalid Hossain, dois corpos foram recuperados até o momento.

"Estamos à espera de uma embarcação de resgate grande que está a caminho", disse Nurul Alam Dulal, um oficial de bombeiros local. "É muito difícil chegar ao local e não afundar."

Jasim Uddin, 35, estava entre a multidão que assistiu ao navio afundar gravou o momento do desastre em seu celular. Quando os sobreviventes começaram a chegar à costa, ele disse que estavam exaustos e entrou em pânico.

"Uma mulher quase nadou até a praia e foi resgatada por uma lancha", disse ele. "Ela estava chorando, dizendo que tinha duas filhas. Entramos em pânico. Todo mundo estava orando a Deus."

Enquanto a notícia do acidente se espalhava, cerca de 500 pessoas, incluindo parentes dos desaparecidos, se reuniram pela água, muitos deles chorando e segurando fotos de seus entes queridos.

Dezenas morrem em acidentes de balsa todos os anos em Bangladesh, onde os barcos são uma forma comum de transporte. O Padma é um dos maiores rios de Bangladesh e atravessa mais de 130 rios.

Normas de segurança precárias e superlotação são frequentemente responsáveis pelos acidentes. Em maio, cerca de 50 pessoas morreram em um acidente de barco no mesmo distrito. 

*Com AP

Leia tudo sobre: naufragio em bangladeshbarcobalsapassageirosdesastre

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas