Choque de avião de carga contra prédio deixa quatro mortos no Quênia

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Fokker 50 caiu logo após decolar no aeroporto internacional da capital queniana, Nairóbi. Todos os mortos estavam no avião

A queda de um avião de cargo contra um prédio comercial deixou quatro mortos nesta quarta-feira na capital do Quênia, Nairóbi.

Infográfico: Os 10 piores acidentes aéreos do mundo

AP
Soldados e funcionários do aeroporto observam os destroços de Fokker 50 que caiu logo após decolar no Aeroporto Internacional de Kenyatta

Saiba mais: Decolagem e pouso são as fases mais perigosas do voo

O Fokker 50, que transportava um estimulante leve conhecido como Khat para a capital da Somália, Mogadíscio, caiu logo depois de decolar o Aeroporto Internacional de Jomo Kenyatta, disse Joseph Ngisa, o chefe de investigações policiais do aeroporto.

Investigações preliminares indicaram que o avião viaja a baixa altitude depois da decolagem e pode ter colidido com um poste de luz antes de cair na área da cidade de Embakasi, disse Ngisa. O avião decolou às 4h15 e sofreu o acidente dois minutos depois de avisar a torre de controle de que a aeronave não havia alcançado altura.

Ninguém ficou ferido em terra, e os quatro corpos do que estavam  no avião foram resgatados, afirmou Ngisa. No Twitter, o Centro Nacional de Operação de Desastres do Quênia informou que todas as vítimas eram homens, incluindo o engenheiro de voo, assim como o piloto e dois tripulantes.

Khat é popular em partes do Oriente Médio e da África e entre cidadãos somalis na diáspora, mas é classificiado como um narcótico perigoso nos EUA.

*Com AP

Leia tudo sobre: quêniaacidente de aviãodesastres aéreos

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas