Equipes tentam resgatar homem preso no fundo de caverna na Alemanha

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Pesquisador alemão de 52 anos sofreu ferimento na cabeça após queda que o deixou a quase 1 mil metros de profundidade

AP
Membro de equipe de resgate entra em caverna perto de Berchtesgaden, Alemanha (8/6)

Equipes trabalham nesta segunda-feira para tentar resgatar um homem que ficou preso no fundo de uma caverna nos Alpes alemães depois de ele se ferir ao cair de rochas, um esforço que autoridades dizem levará dias enquanto os especialistas negociam um labirinto complicado de eixos verticais e gargalos.

Venezuela: Caverna multicolorida surpreende cientistas

Uma equipe de quatro membros localizou o experiente pesquisador de cavernas alemão de 52 anos na manhã desta segunda-feira dentro do sistema de cavernas de Riesending, perto de Berchtesgaden, no sudeste da Alemanha.

O homem, cujo nome não foi divulgado, sofreu ferimentos na cabeça no dia anterior. Um de seus dois companheiros sem ferimentos fez uma escalada de 12 horas de volta à entrada da caverna para alertar as autoridades, enquanto o outro ficou com ele.

O homem ferido está quase 1 mil metro abaixo da superfície "em uma das cavernas mais difíceis da Europa", disse o funcionário de resgate em montanhas Klemens Reindl ào canal n-tv.

Segundo autoridades, ele está a cerca de 6 mil membros da entrada da caverna. Acredita-se que esteja em condição estável.

"Temos eixos que vão diretamente 350 metros, onde é necessário descer por uma corda e voltar por ela", disse. O sistema de caverna tem pontos estreitos onde apenas uma pessoa magra pode se espremer para passar, e os exploradores também têm de lidar com água.

As equipes de resgate enviaram uma linha de telefone a centenas de metros de profundidade nesta segunda-feira para ajudar nos esforços de resgate, enquanto outras montaram acampamentos dentro do sistema de caverna na fronteira com a Áustria. Eles trabalham em equipes pequenas de até quatro pessoas cada.

*Com AP

Leia tudo sobre: alemanhariesendingexplorador de cavernacaverna

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas