A holandesa Mata Hari, que era cortesã em Paris e uma provável agente dupla na Primeira Guerra (1914-1918), está na lista

Com dois casamentos fracassados e a perda de seus filhos, a holandesa Margaretha Geertruida Zelle, mais conhecida como Mata Hari, optou por se tornar uma glamourosa dançarina e cortesã em Paris no período de ouro que antecedeu a Primeira Guerra Mundial (1914-1918). Amante de autoridades, ela teria sido recrutada pelos alemães para espionar diplomatas e membros do Exército francês à época. Mas acabou tendo seu disfarce revelado pela França e foi executada por volta de 1917. 

Galeria: Conheça os ditadores mais cruéis da história

Embora sua lealdade tenha sido tema de debates - pesquisadores sugerem que ela pode ter agido como agente dupla e trabalhado também para a França -, documentos alemães da década de 1970 afirmam que ela esteve a serviço do Exército desde 1915 com o "codinome" H-21. Veja a lista de espiões que se tornaram famosos.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.