Entre eles está o voo comercial de carga 967 da Varig, que nunca mais foi visto após partir de Tóquio para o Rio em 1979

O desaparecimento do voo MH370 da Malaysia Airlines , no ano passado, que levava 239 pessoas a bordo em seu percurso noturno de Kuala Lumpur, Malásia, a Pequim, China, já é considerado um dos mais misteriosos da história da aviação mundial. Mas está longe de ser o único. Em 1979, um Boeing 707-323 da Varig saiu de Tóquio, no Japão, com destino ao Brasil e desapareceu após o primeiro contato do piloto com a torre. Até hoje, nenhum destroço ou vítima desse voo comercial de carga foi encontrado. 

Leia também:  Conheça dez teorias sobre o paradeiro do voo desaparecido na Ásia

Quase três décadas após essa tragédia, o voo 522 da Helios Airways se desviou de sua rota ao decolar de Chipre à Grécia, em 2005. A torre tentou fazer contato com o piloto 19 vezes, sem sucesso, e enviou dois caças F-16 para interceptar o avião. Os condutores do jato tentaram escoltar o Boeing, mas o avião acabou batendo contra uma encosta grega no trajeto.

Investigações constataram que os 117 passageiros morreram não por causa do impacto, mas sufocados, horas antes da queda. Ao que tudo indica, os pilotos não conseguiram pressurizar a cabine. Outras teorias, porém, afirmam que o voo era mal-assombrado.  Veja esses e outros mistérios em outros desastres aéreos no mundo:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.