Acidente deixou uma pessoa seriamente ferida. Testemunha diz que helicóptero havia levantado voo quando perdeu a altitude

A queda de um helicóptero de TV próxima à icônica torre Space Needle em Seattle, Estados Unidos, nesta terça-feira (18), matou dois, deixou uma pessoa seriamente ferida e alastrou nuvens de fumaças pretas por toda a cidade durante o horário de rush da manhã.

Janeiro: Acidente com helicóptero dos EUA mata quatro americanos na Inglaterra

Carro pega fogo no local onde helicóptero da rede televisiva KOMO-TV caiu próximo dos estúdios, no centro de Seattle, EUA
AP
Carro pega fogo no local onde helicóptero da rede televisiva KOMO-TV caiu próximo dos estúdios, no centro de Seattle, EUA


2013:  Lino Oviedo morre em acidente de helicóptero

Um homem que estava dentro de seu carro na hora do acidente conseguiu deixar o veículo após o helicóptero pegar fogo e foi levado para o hospital Harborview com queimaduras em mais de 50% do corpo, de acordo com o Corpo de Bombeiros.

O helicóptero KOMO-TV, aparentemente, estava levantando voo quando possivelmente atingiu a lateral de um prédio e caiu, atingindo três veículos na Broad Street, segundo informações locais. O helicóptero e os veículos explodiram em chamas, enviando a queima de combustível para a rua. Kristopher Reynolds, um empreiteiro que trabalha nas proximidades, viu o acidente.

Ele disse que o helicóptero levantou a cerca de 1,5 metros do chão e parecia que estava prestes a deixar o edifício quando se inclinou. Depois ainda tentou corrigir o eixo mas, em seguida, deu um mergulho para baixo.

Confira imagens do acidente na galeria de fotos

“Depois disso, o helicóptero entrou em uma bola de chamas”, disse ele.

Quando os bombeiros chegaram ao local encontraram o helicóptero, dois carros e uma caminhonete em chamas, juntamente com uma enorme nuvem de fumaça escura, disse o porta-voz do departamento de fogo de Seattle, Kyle Moore.

"Não foram só os carros pegando fogo, o combustível que vazou pela rua também estava em chamas", disse ele aos repórteres.

Os bombeiros desviaram o combustível em combustão para o esgoto. Os dois mortos do local permaneceram em meio aos destroços até que os investigadores da Administração Federal de Aviação chegassem, de acordo com Moore. A mulher de um dos carros queimados foi a uma delegacia de polícia e falou sobre o acidente. O homem que estava na caminhonete saiu do local e está sendo procurado para ajudar nas investigações.

Próximo ao local do acidente também estava o Museu do EMP, espaço criado pelo co-fundador da Microsoft, Paul Allen, voltado a música. O Centro de Seattle é popular entre os turistas e moradores, e é palco de musicais, festivais culturais e de atividades esportivas. 

Em 2007, dois helicópteros colidiram no ar em Fênix enquanto cobriam uma perseguição policial, enviando destroços em chamas para um parque. Quatro pessoas morreram. Após o acidente, as redes de TV adotaram mudanças na conduta das coberturas em helicópteros.

*Com AP

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.