Buscas continuaram por toda a noite da última quinta-feira (13). A polícia diz que 5 mulheres e 3 homens morreram no local

Reuters

Equipes de busca e resgate vasculhavam os escombros ainda fumegantes dos prédios residenciais que pegaram fogo em Nova York e encontraram uma oitava vítima fatal, nesta sexta-feira (14).

Quarta-feira: Explosão provoca incêndio e colapso de dois prédios no Harlem

Uma escavadeira remove os destroços de um dos prédios que entrou em colapso após incêndio em NY, EUA (13/03)
AP
Uma escavadeira remove os destroços de um dos prédios que entrou em colapso após incêndio em NY, EUA (13/03)

As autoridades trabalharam durante a noite, analisando uma montanha de tijolos e metal retorcido - em um determinado ponto da altura de três andares - em um esforço para encontrar eventuais vítimas restantes. A explosão, ocorrida por volta de 9h30 (10h30 no horário de Brasília) da última quarta-feira (12) balançou prédios no bairro de East Harlem pouco após um morador ter reclamado de cheiro de gás à companhia responsável pelo fornecimento.

Depois que os bombeiros declararem que o local está seguro, investigadores realizarão testes de pressão na tubulação para determinar o local do vazamento que pode ter causado a explosão.

Confira galeria de fotos sobre a explosão

"Temos oito vítimas encontradas neste momento. Ainda estamos na operação de resgate e recuperação", disse o porta-voz do Corpo de Bombeiros de Nova York Brian Norton nesta sexta de manhã. "Nós não paramos até termos 100 por cento de certeza que não há ninguém para trás."

A operação de resgate continuará nesta sexta, embora não haja vítimas conhecidas ainda desaparecidas, segundo a polícia. Cinco mulheres e três homens morreram, disse a polícia nesta sexta, mas nem todas as vítimas tiveram a identidade divulgada. A última vítima encontrada é do sexo feminino e foi retirada dos escombros na noite de quinta-feira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.